Gestão de TI ! Como alinhar o T.I. aos Negócios da Empresa.


Gestão de T.I.

Seu departamento de TI pode estar carregado de funcionários brilhantes e ambiciosos, mas isso não significa que o grupo será eficiente.

Como na maioria dos departamentos, há muitas causas justificando a ineficácia.

O grupo de TI deve estar preparado para direcionar suas forças para causas que estão fora de seu controle, seja mudanças no modelo de negócios que colocam mais pressão sobre  TI, seja pela escolha de fornecedores inadequados ou ter um CIO que tem dificuldade para entender o ROI .

“A cada falha, é fácil de detectar uma infinidade de causas potenciais”, diz John Baschab, VP sênior de serviços de gestão de Technisource

As quatro principais razões para a ineficácia de TI, diz Baschab, são:

  • Turbulência nos Negócios, como o rápido crescimento da receita ou uma fusão ou aquisição de contas, o que força mais demanda de TI,
  • Seleção pobre e/ou fraca gestão dos fornecedores de serviços de TI;
  • Gestão inexperiente e estilo de gestão que afasta a equipe de TI do negócio
  • e de Gestão financeira e de Risco pobres (ou seja, não entender a ligação entre os custos de TI e os benefícios gerador pelo TI)

O que os C.I.Os devem fazer?

Mas há curas para a ineficácia no TI e Baschab da Technisource tem cinco dicas para CIOs e os executivos não técnicos que gerenciam CIOs (geralmente o CFO ou CEO) sobre a forma de alinhar o TI e os negócios de tal forma a ajudar a empresa a crescer e prosperar.

Melhorar a Gestão de TI

Um passo na melhoria da gestão de TI é formar um comitê diretivo de TI que faz a ponte entre os mundos de TI e os negócios. Este comitê seria normalmente composto por executivos internos com interesse em um TI de sucesso e que também têm influência dentro da empresa para promover a mudança.

“Na maioria das vezes o comitê é composto pelo Diretor e seus subordinados diretos”, diz Baschab “, mas também pode incluir outros líderes influentes dentro da empresa.”

O comitê de direção deve servir como um “virtual CIO” para prestar assessoria para o CIO e resolver rapidamente os problemas entre o negócio e o TI. O comitê deve também ser responsável pela contratação do pessoal de gestão de TI, certificando-se de que tenha poderes gerenciais isto é, seja o responsável pela área , não apenas um programador sênior, diz Baschab.

“Limpando o organograma de TI é o melhor lugar para começar”, acrescenta. “Não deve haver caixas flutuantes e falta de linhas claras de responsabilidade.”

Disciplina de Gerenciamento de Projetos

Aqui, os CIOs  precisam estabelecer uma lista mestra de projetos futuros, determinar o ROI de cada projeto e em seguida priorizar todos os projetos por seu benefício de negócios, diz Baschab.

Os líderes de TI deveriam determinar o quanto a capacidade do departamento de TI e limitar o número de projectos abertos que ele pode manipular. Esperar que a quantidade de projetos a ser menor do que você quer, diz Baschab, mas “ter a certeza de que os projetos vão realmente finalizar no tempo e no orçamento de imediato.”

Melhorar a Gestão de fornecedores.

A receita para manter seus fornecedores na linha, diz Baschab, é insistir em contratos favoráveis ​​e gerir agressivamente as relações com o fornecedor após a contratação.

Mais especificamente, você deve continuamente “determinar onde os vendedores estão produzindo bem e onde estão minando os orçamentos de TI com taxas e prazos inflados improdutivos”, diz Baschab, que acrescenta:  os gerentes de TI e CIOs  não devem hesitar na troca de fornecedores ruins e migrar para fornecedores produtivos .

Ao negociar com um fornecedor, a TI deve exigir o melhor preço ou ameaçar abrir uma nova RFP – Request For Proposal (Concorrência). Eles também devem avaliar os fornecedores como eles medem a satisfação do cliente internamente.

“Exigir um relatório de cada fornecedor em cada trimestre, e mantê-los a um padrão definido”, diz Baschab.

Melhorar a Gestão Fiscal e Orçamento

Cada líder de TI precisa ser capaz de explicar à diretoria quaisquer irregularidades orçamento, e ter uma compreensão clara de custos versus receitas.

“Os CIOs devem reconhecer que a maioria das empresas deve gerar 10 dólares em receita para cobrir cada $ 1 gasto em TI”, diz Baschab.

Cabe a um CIO obter a reputação para salvaguardar o investimento da empresa e manter as solicitações de despesas de capital para os projetos prioritários.

“Os CIOs devem se tornar um recurso de negócio para a equipe de gerência sênior, sugerindo formas de reduzir o custo global da empresa através do uso de TI “, diz Baschab.

 

Usuários de Negócios x  T.I.

Um CIO deve fazer o possível para reduzir acusações entre os departamentos, diz Baschab. Membros do departamento de TI precisa ter acesso junto aos usuários de negócios e colaborar com eles regularmente. Se você não se envolver com os usuários de negócios, você não deve ser promovido, diz Baschab.

“Relações de usuário efetivo de negócios deve ser parte do processo de avaliação e promoção para todos os membros da equipe de TI”, diz ele.

O que é uma boa maneira de trazer o lado do negócio e de TI em conjunto? Bem, o almoço é claro.

“Os CIOs devem compartilhar uns dois almoços por semana com os gerentes das unidades de negócios e membros da alta administração e comitê de direção”, diz Baschab.

, , , , , , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • What most schools don’t teach

  • Alavancando Mudanças – Patricia Tavares

  • C.I.O. 100 Awards 2013 Nomination

    ERP, Economics

    C.I.O. 100 Awards 2013 - Nomination for Lunardelli, Ricardo

  • Arquivos

  • My Hobby – BoardGames

  • Perfil do Editor

    . Professional with broad experience and extensive knowledge in cross-functional IT project management, methodologies and techniques.
    . Consulting, analyzing, designing and managing IT systems projects.
    . Leadership of IT team;, delivering wide ranging core LAN/WAN solutions to organizations.

%d blogueiros gostam disto: